Translate

sexta-feira, 17 de novembro de 2017

Viver é amar e crescer sem cobranças.



Vivemos  no mundo  das aparências ,
No mundo  material.
Quem tem muito,  vale muito.
E pouco  quase  nenhum  valor.
Valoriza o  mudar  o corpo  físico,
O consumir;  gastar  e adquirir  matéria.
Pouco  da importância  ao  intacto.
O amor seres  vê  o outro como  boneco
Que  se  enfeita  exterior;  qual valor?
A união  quase  sempre  só pelo desejo.
E com passar do tempo que poucos se encontra o verdadeiro  amor.
Este sem cobrança,  sem medo  de ser feliz.
Amar e aceitar e proteger e não  desgastar.
Amar é  querer  bem  ser feliz e sorrir a dois;  carinho trás  no olhar.
O desejo a atração  física;  só o tempo  pode  mudar  e solidificar.
Mas a aceitação e por aqueles  que  sabe crescer e levar  para  a eternidade,  o amor  sem preconceitos.
Somos fagulhas  de Deus  divino,  somos  seres eterno;  aqui é  uma passagem  rápida.
Não  podemos  desperdiçar este tempo;
Com mesquinhos e nem soberania.
Temos que  evoluir dia a dia,  e não  decrescer.


Valborges

quarta-feira, 8 de novembro de 2017

Seres extraterrestres que temos presenciado?



Quase  certeza ; que  não  somos  seres  viventes  únicos  no universo.
Muitos relatos  são  contados  por pessoas  idôneas,  sobre  visão  de ovines. Os nossos  irmãos  estão sempre  presentes a observar  os passos  de nós da terra.
Quando  recém casada,  viajando no interior  de Goiás  com meu esposo,  perto  do Distrito Federal;  a noite  ainda  estrada de terra  e pouco transitada;  ao descer  rumo  a um ribeirão  fomos  clareados  por uma luz intensa  sobre  o carro.  E meu marido  calado e eu  sem falar  seguiu rápido.
Quando  atravessamos  do outro lado  a luz  nos perseguiu por alguns tempo. Uma cor clara  mais intensa que  o próprio  dia. O que  será  não  soubemos  dizer. São  extra terrestre?
Alguns anos depois;  já perto  de Guapo  cidade, do interior,também  em Goiás   estava eu e meu  filho.
Indo  para a fazenda  , parei  desci  para abrir  a porteira,  notei em minha  frente   a poucos metros,  uns duzentos  mais ou menos.  Eu e meu  filho  ficamos parados  diante  aquele clarão  em cima de uma  reserva. Tinha  o formato  de  oval  persistiu  por vários  instantes. Uma cor amarela linda  não  tirei  os olhos  pela beleza da luz,  depois de alguns instantes  correu  tão  rápido  como um piscar,   já em uma distância  de longa  parou e depois  mais distante  parou  e mais londe parado  sumiu.  Ficamos extasiados.
Isto  eu  vi.  Minha  mãe  viu  vários  vezes. Isto  acontecer  neste  mesmo  local
São  fenômenos ou verdades.  A minha verdade é  sim  pois presenciei.
E quantos  outros relatos já  temos visto.
Não  somos únicos  diante desta imenso  universo.  São  seres  muito  adiantados  que. tentam  contato.  Mas ainda  não  estamos  prontos  para isto.

Valborges.

segunda-feira, 6 de novembro de 2017

Manuscritos achados nas margens do mar morto Bíblicos



Achados que  revoluciona o meio  cientifica; com as verdades bíblicas.
Em 1947 um beduíno;  com seu  rebanho deslocou um de seus animais  e foi  a seu encontro.
Viu uma fenda e jogou  uma pedra;  vendo  que  foi  barulho de quebrar  cerâmica.
No outro dia  voltou  ali com outra pessoa  e entrou  na caverna;  encontrando 20 potes sendo que um   foi  quebrado.
Eram pergaminhos  manuscritos,  de  dois séculos  antes a  um de pois de Cristo. .cientistas  logo  agilizou  sobre o achado;   em outras 11 cavernas  encontraram mais de 850 documentos.
Escritos em Hebraico,  aramaico e grego. No deserto de Israel  as margens  do mar morto.
Logo a escola  Francesa  de arqueológia bíblica  começou  a sua  exploração  com os arqueólogos nas cavernas  de Jerusalém.
Nestes  documentos  está descritos  vários documentos da época,  bíblicos  sobre a veracidade  passado  com Jesus  nosso Salvador.
Entre tantos  achados  também de Ezequias  em um túnel com escritos em aramaico  nas  paredes  visível  a todos  que  ali chegar. ( Encontrou também  carta  de ISAÍAS)   na entrada  de um local  onde  a água  corria  através de uma grande piscina,  que distribuía água  para os vilarejos.
É  a ciência  encontrando  com as verdades escondidas  com o tempo.
Assim  desvendando  para muitos céticos a verdadeira  palavra  de Deus  a nós comandar,  através da biblia  um livro sagrado,  que  tantas  palavras  de conhecimentos e verdades  ali se encontra.



domingo, 5 de novembro de 2017

Biscoito de queijo fácil e gostoso




Uma receita  de biscoito  fácil  de  fazer;  e saboroso;  vamos  lá. ...
Um prato  cheio  de  polvilho
Um prato  cheio de queijo  ralado
Um copo de  óleo médio
Três  ovos inteiros
Três colheres  de leite em pó.
Sal  a gosto.

Primeiro  esquenta o óleo  e joga  no polvilho  mistura bem.
Depois  todos  ingredientes
Amassa  com água  até dar  ponto.
Asse  em forno moderado e se sirva
Com café  ou chá  delicia.

Valborges

Santo graal.



José  de Arimateia;  colheu  o sangue de  Jesus;  quando um centurião;  aravesou umya espada em seu abdômen.
E levou este cálice;  começou a perseguição  a ele foi  torturado  e fugiu ;  levando consigo em fuga para Inglaterra;  Onde fundou a primeira  igreja  (a lenda diz que  foi contigo Maria  Madalena.
Surgiu  Artur o britânico,grande   na época grande  guerreiro que  conseguiu acalmar.  conflitos em guerras .
Diz que  nasceu 470 depois de Cristo.
Os celtas  ainda tinha  poder  de magias,  mas foram convertendo  ao cristianismo;  tendo ainda  os pagãs.
Conta que  a espada de Artur depois da morte  foi jogado  no lago  sagrado. Como  fazia  na época os pertences  iriam  para  o lago,  um dia  voltaria  a vida.
Houve  um poema sobre  o santo  graal; 
Que  muitos  até  nos dias  de hoje  busca a taça  do sangue  de Cristo .

Em Valença  na Espanha;  em meio às ruínas.  Hoje  construída  ali  uma capela que  acredita  ser  o lugar  onde esteve  à taça  contendo  o sangue  de Cristo.
Mas tudo  que  a arqueológia tem buscado. Ainda  continuar  um mistério   da imaginação .
Com palavras e lutas e buscas  dessas  provas.  Que  em nossa  fé  acreditamos  que  existiu.





sábado, 4 de novembro de 2017

Doce de moranga ou abóbora com leite e coco.



Doce de  moranga ; como é  bom  experimente  ; faça  vale tentar;

5 litros de leite
1 quilo  de açúcar  cristal
I quilo de massa  de morangacozido e espremido.
1 quilo  de coco  ralado  natural.
Raspa de dois  limoes.

Coloca o leite  para verfer até reduzir  pela metade.
Acrescente  o açúcar e a massa  da morango  ( ou abóbora ).
Deixa cozinhar  bem;  quando  começar a espirrar  vai  para  o fogo baixo e não  pare de mexer.
Coloca o coco  ralado  e a raspa  dos limoes.
Da o ponto  de despregar  do fundo  da panela.  Este serve  para cortar  os pedaços colocados  em forma larga.
Se quiser  mole  para colherada  tira bem antes  de soltar do fundo.
Serve  com queijo e enfeita  com cravos.
Garanto  vai  surpreender  com ótima sabor.  Muito  bom.


Valborges.

Arca de Noé uma procura a confirmar.





Arca  perdida de Noé.
Hoje  muitas  controversas  sobre este episódio.
Arqueológicos  em buscas  destas  verdades a ser  comprovadas,  muitos relatos  envolvendo  tudo isto.
Em 1950 um engenheiro Fernando  Navarra  jovem  militar  sobrevoando,  o monte ararati  na Turquia;  viu   uma forma estranha de navio  sobre as geleiras.
Dois  anos depois voltou ao local  sem nada  relatar.  Mas persistiu e volta  em 1955 com seu  filho  ainda  jovem.
Subiu  novamente  e no topo em uma cratera  conseguiu  descer e tirar;  um pedaço  da madeira soterrada;  era grande e trabalha  a mão,  sendo  que  ali  não  tinha floresta,  só bem distante.
Colheu  material  e mandou  para  três  laboratório,  constante  assim,  data de 5000 anos. Era ou é  o local  onde  ancorou a arca;  que  tantos  buscam;  para confirmar  a veracidade  da história.
Em 1965;  capitão  turco  sobrevoando  este monte viu forma de navio,  neste local. Os militares  tiraram fotos;  e os arqueólogos  foi ao  local.
Levando  com eles  aparelhos  mais sofisticados,  ali encontrou  artefatos,  inclusive  pedaço  de titânio .
Ainda é  um inigma;  encontrou  o local;  ou continua  este  mistério.
Pois este  achado;  seria  prova vidente  para  muitos  céticos.  A própria  a história  bíblica.